Batata-Doce doa Açores

Descrição: É a raiz tuberculosa, comestível e de sabor adocicado da Ipamoea Batata (L.) Poir, também denominada batata da ilha.

Cebola da Madeira DOP
Descrição:  Designa-se por Cebola da Madeira os bolbos da espécie Allium cepa L. das variedades tradicionais obtidas nas ilhas habitadas do arquipélago da Madeira, nomeadamente das variedades: “Branca”; “Pião”; “Bujanico”; “Vermelha”; “Roxa” e “Do Tarde” entre outras formas cultivadas, produzidas nas ilhas da Madeira e do Porto Santo, seguindo as práticas tradicionais regionais.
Os bolbos das variedades tradicionais de «Cebola da Madeira» apresentam características morfológicas próprias, que justificam os nomes vernáculos que lhes foram atribuídos pelos agricultores madeirenses e entre as que se destacam, para cada variedade: uma boa homogeneidade de tamanho, peso médio e sobretudo na forma dos bolbos, com película externa normalmente amarela (com tons violáceos nas variedades “Vermelha” e “Roxa”), mais ou menos transparente e com média a pouca aderência e com uma polpa principalmente branca (com tons avermelhados ou arroxeados nas correspondentes variedades), com camadas de média a pequena espessura e, em cru, com uma consistência mediana a tenra.
São bolbos muito suculentos, com teores médios de matéria seca próximos dos 10g/100g, que podem ser superiores quando produzidos na ilha do Porto Santo. Apresentam elevada riqueza em hidratos de carbono (em média superior a 7g/100g) e em vitamina C (em média superior a 10mg/100g) que lhes conferem características organoléticas próprias amplamente valorizadas pelos consumidores madeirenses.
Cebola Garrafal

Descrição: Cebola de variedade serôdia de polpa branca, pele amarela palha e bolbo em forma alongada, de baixa acidez e baixo teor em matéria seca. Resistente ao espigamento e de boa conservação.

Cherovia

Descrição (dimensões, cor, aroma, textura): A Cherovia é uma raiz que tem a forma de uma cenoura e a cor do nabo. O seu sabor é uma mistura de ambos os legumes, mas mais acentuado e até adocicado. É um sabor único e extremamente agradável. A Cherovia representa um tubérculo com o qual se identifica a Covilhã e o seu Concelho. A vasta produção só é possível em "terras da Covilhã", o que faz dela um ex-líbris da gastronomia local, podendo ser apresentada das mais diversas formas.

Couve Penca de Chaves

Descrição: A Couve Penca é a parte comestível (pé, folhas e olho) da couve portuguesa, Brassica oleracea, variedade Tronchuda. É uma planta de tamanho grande, com peso de 8 a 10 kg, de diâmetro inferior a 90 cm, caule grosso a médio e longo, cicatriz foliar grande, 10 a 12 folhas de pecíolo e folha grande arredondada, elíptica ou reniforme, de cor verde a verde-clara, com margem subinteira ou crenada, de muitas nervuras brancas em ambas as páginas e pseudo-repolho central muito grande, elíptico ou irregular. É uma couve muito tenra.

Hortícolas e Cereais

Descrição: Os  produtos que seguem serão disponibilizados brevemente. Entretanto pode consultar uma listagem destes produtos.