Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Arroz de Carneiro

Arroz de Carneiro

Descrição: Pequenos pedaços de cordeiro cozido e acompanhado com arroz.

Delimitação da área geográfica de produção: Freguesia de Borda do Campo – Figueira da Foz.

Ingredientes utilizados: Carneiro; sal; hortelã; arroz; cebola.

Modo de preparação: Ferve-se a água, escalda-se o carneiro. De seguida, junta-se à água já a ferver com sal, hortelã e cebola inteira. Depois de cozido o carneiro, retira-se a água da cozedura para outro tacho, acrescenta-se um pouco de água sem gordura e junta-se o arroz. Antes de servir junta-se um pouco de vinagre a gosto.

Disponibilidade do produto ao longo do ano: Nas casas da freguesia em épocas festivas.

Historial do produto: Os casamentos e batizados continuam a ser as festas da família mais comuns e com rituais gastronómicos e culinários que permanecem. Na freguesia de Borda do Campo, o prato típico associado ao casamento foi, e continua a ser, o arroz de carneiro. A sua origem não é por ninguém explicada, apesar de várias teorias. Contudo, tratando-se de um território com uma forte influência dos campos de arroz, não se estranha a sua utilização, seja em pratos salgados ou na versão do arroz doce. Acresce ainda o facto de o arroz ser símbolo de fertilidade e, por essa lógica, também enraizado nas questões antropológicas do ritual matrimonial.

Representatividade na alimentação local: Presente nas refeições de ocasiões festivas.

Fonte:Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas