Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Sainhas

Sainhas

Descrição: pequenas, castanho dourado, crocante. 

Características particulares: Véu que envolve os intestinos do porco (redanho), cortadas pequenas, para que depois de confecionadas, apresentem uma espécie de folho.

Espécies, variedades ou raças: Suíno.

Ligação à paisagem natural: Produto oriundo da agropecuária local.

Ingredientes utilizados: Redanho.

Modo de preparação: Corta-se o redenho em pequenos bocados, coloca-se num tacho ou caldeira, com um pouco de água e sal. Leva-se a lume baixo, vai-se mexendo sempre até que fiquem crocantes, retiram-se para um tabuleiro forrado com papel absorvente.

Saber fazer: Ir mexendo sempre, frigindo, lentamente, em lume brando de preferência, no borralho.

Formas de comercialização: Nos talhos e restaurantes.

Disponibilidade do produto ao longo do ano: Todo o ano.

Historial do produto: O produto era disponibizado, apenas, na “matadela” do porco e era consumido com o sarrabulho.

Representatividade na alimentação local: Atualmente, o produto é consumido como entradas, nos restaurantes. É vendido, também, nos talhos, para ser confecionado em casa.

Disponibilidade do produto: Em recuperação.

Outras designações: Rojões das tripas.

Área geográfica de produção: Concelho de Vagos e locais limítrofes.

Fonte: Confraria Gastronómica As Saínhas de Vagos