Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Broa de Milho da Beira Alta

Broa de Milho da Beira Alta

Descrição: Pão feito à base de farinha de milho amarelo com sal e fermento de padeiro. Apresenta-se em dois tamanhos: grande, com diâmetro de 12 a 15 cm e peso de 800 g, e outro pequeno, com diâmetro de 10 a 12 cm e peso de 400 g.

Região: Centro.

Particularidade: Pão de forma circular e convexa, com uma crosta de cor amarelo-torrada, relativamente estaladiça e bastante gretada. Apresenta um paladar ligeiramente adocicado e um aspeto interior seco, poroso, grosseiro e de cor amarela.

História: É um produto regional, típico da zona, cuja genuinidade pode ser confirmada pela forma, aparência pesada, crosta gretada, sabor e textura. A origem da sua produção não pode ser estabelecida com exatidão, pois faz parte da alimentação tradicional da população. Nesta região praticamente não se cultiva o trigo, sendo o milho o cereal por excelência usado na panificação.

Uso: Como alimento, sobretudo de índole regional, pois deve ser consumida antes de decorridas 48 h após o seu fabrico.

Saber fazer: Antigamente as amassadeiras eram constituídas por caixas de madeira com juntas bem aparelhadas para vedarem bem. Misturam-se os ingredientes e amassam-se com água até se obter uma massa mais ou menos homogénea. Tapa-se a amassadeira com uma manta e deixa-se levedar durante algum tempo. Tendem-se bolas que vão a cozer em forno de lenha. Veda-se hermeticamente a porta do forno para não haver perdas de calor, pois a sua temperatura deve ser de cerca de 270 °C. A temperatura da cozedura tem muita influência no aspecto final do produto.

Fonte: Produtos Tradicionais Portugueses, Lisboa, DGDR, 2001