Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Cuscuz

Cuscuz

Descrição: Massa granulada, consistindo em pequenos grânulos de cor acastanhada. O Cuscuz, depois de cozinhado, serve de acompanhamento em diferentes pratos, normalmente como substituto do arroz, É comercializado embala-do em sacos de plástico.

Região: Região Autónoma da Madeira.

Particularidade: Massa granulada feita a partir de farinha de trigo.

História: Trata-se de um produto de confeção mourisca, fabricado principalmente em Marrocos e na Madeira. É também utilizado como arroz, mas não em dia em que se sirva este, conforme determinou para a Madeira o Rei D. Sebastião (Ilhas de Zargo, Pereira, Eduardo C. N.).

Uso: O Cuscuz pode ser confecionado de diferentes formas sendo, no entanto, mais apreciado com água de cozido (mistura de couves, batata, nabos, cenouras e carne de porco). É também utilizado como arroz para acompanhamento de carne de porco.

Saber fazer: O processo de fabrico é muito rudimentar. O Cuscuz é feito com farinha de trigo da terra (porque o outro trigo deixa-o «empapado»), fermento e água morna temperada com sal e folhas de segurelha, sendo trabalhada até se transformar numa massa granulada. A massa assim granulada vai para o cuscuseiro que é colocado sobre uma panela com água, demorando 2 horas a cozer a massa. Depois de cozido, o Cuscuz é retirado e esfregado, ainda quente, com as mãos. Finalmente, é espalhado num terraço onde seca ao sol durante 2 ou 3 dias, e está pronto a ser consumido.

Fonte: Produtos Tradicionais Portugueses, Lisboa, DGDR, 2001