Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Esquecidos da Guarda

Esquecidos da Guarda

Descrição: Bolos feitos à base de farinha de trigo, ovos, açúcar, sal e fermento de padeiro. O seu aspecto interior é poroso e grosseiro. Têm cerca de 7 a 9 cm de diâmetro e pesam entre 30 a 40 g.

Região: Centro.

Outras denominações: Bolo de Mel-de-Cana.

Particularidade: Bolos pequenos de forma circular, convexa, bastante achatados, com uma crosta relativamente estaladiça e de fácil desagregação ao corte. Apresentam interiormente uma cor amarelo-esbatida.

História: É um produto regional, típico da zona. A origem da sua produção não pode ser estabelecida com exactidão, pois mesmo as pessoas mais velhas da região se recordam de terem sempre consumido Esquecidos da Guarda.

Uso: Como alimento, sobretudo de índole regional, pois devem ser consumidos antes de decorrido um mês após o seu fabrico, por apresentarem melhores características organolépticas.

Saber fazer: Misturam-se os ovos com o açúcar e batem-se bem. Adiciona-se a farinha, o sal, o fermento e água suficiente para amassar. Seguidamente deixa-se levedar e tendem-se bolas que vão a cozer em forno de lenha. A temperatura do forno tem influência no aspecto final do produto.

Fonte: Produtos Tradicionais Portugueses, Lisboa, DGDR, 2001