Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Pão-de-Ló de Rio Maior

Pão-de-Ló de Rio Maior

Descrição: Bolo de ovos, farinha e açúcar, de forma redonda e cor amarelo-torrada. Pesa 250 ou 800 g e o diâmetro é de, respetivamente, 20 a 25 cm. É apresentado em caixas individuais de cartão. 

Região: Lisboa e Vale do Tejo.

Outras denominações: Pão-de-Lá Cláudia (marca comercial).

Particularidade: Bolo cuja parte central apresenta uma consistência cremosa, a que se chama ló.

História: O Pão-de-Ló de Rio Maior começou a ser produzido há 30 anos pela Sr.ª D.ª Maria Alice Sequeira, que iniciou a sua atividade pelo Pão-de-Ló caseiro de Alfeizerão e foi depois modificando a receita até conseguir a fórmula própria do Pão-de-Ló de Rio Maior atual. Vendeu depois a patente aos Srs. Joaquim Costa Nazaré e Joaquim Luís Vicente da Silva, tendo este posteriormente vendido a sua parte ao primeiro. O bolo começou a ser apreciado e foram os próprios consumidores a divulgar o produto aos amigos e conhecidos. O seu consumo estende-se aos concelhos de Rio Maior, Pombal, Lisboa, etc. Hoje, o Pão-de-Ló de Rio Maior tem participação na Feira das Tasquinhas de Rio Maior, Feira Nacional de Agricultura de Santarém e feiras gastronómicas em diversos locais do País, como Porto, Vila do Conde e Barcelos. É ainda referenciado como fazendo parte da gastronomia local em roteiros turísticos das Regiões de Turismo do Oeste e no Guião de Fornecedores da Indústria Hoteleira e similares.

Uso: É um bolo de sobremesa, sendo consumido em maior quantidade no Carnaval e na Páscoa.

Saber fazer: A mistura de ovos, açúcar e farinha é levada a cozer à temperatura de 240 °C.

Fonte: Produtos Tradicionais Portugueses, Lisboa, DGDR, 2001