Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Estrelas de Figo

Estrelas de Figo

Descrição: Os figos da variedade regional denominada Cotio, secos ao sol ou torrados em fornos de lenha, podendo também ser aromatizados com erva-doce, são abertos em forma de estrela, levando nas pontas amêndoas. Cor dourado-escura, devida à torrefação do figo. Têm cerca de 4 a 5 cm de diâmetro.

Região: Algarve.

Outras denominações: Estrelas de Figo com Amêndoas.

Particularidade: Figos espalmados e torrados, com amêndoas nas extremidades.

História: Introduzidas que foram as figueiras e amendoeiras no Algarve, de forma consorciada e por os seus frutos terem uma longa conservação, cedo se tornaram um alimento privilegiado durante as épocas de carência alimentar, isto é, no Inverno. Para serem mais agradáveis ao paladar e porque a imaginação popular é fértil, estes dois produtos começaram a ser trabalhados das mais diversas formas e uma delas é, sem dúvida, a apresentação das Estrelas de Figo. O Café Arcada, fundado no início do século, vendia Estrelas de Figo que, segundo os costumes ancestrais, encomendava às doceiras da região.

Uso: Tradicionalmente faziam-se e consumiam-se pelo Dia de Todos-os-Santos. Atualmente, preparam-se e vendem-se durante todo o ano.

Saber fazer: Aos figos espalmados dão-se quatro golpes, da extremidade do figo para o centro, de forma a poderem ser abertos em forma de estrela. Coloca-se uma amêndoa em cada ponta e cobre-se com outro figo igualmente cortado. Colocam-se em tabuleiros e levam-se ao forno a torrar.

Fonte: Produtos Tradicionais Portugueses, Lisboa, DGDR, 2001