Azeitona Galega da Beira Baixa
Tags: Centro

Descrição: Entende-se por Azeitona Galega da Beira Baixa o produto preparado, «azeitona de conserva» ou «azeitona de mesa» obtido a partir da variedade Galega da espécie Olea europaea L..

Características particulares: Fruto de tamanho pequeno, ovoide, assimétrico, com ápice pontiagudo e base truncada.

Variedade: Galega

Área de produção: Região da Beira Baixa, nomeadamente as freguesias dos concelhos de Covilhã, Belmonte, Fundão, Penamacor, Idanha-a-Nova, Castelo Branco, Vila Velha de Ródão, Proença-a-Nova, Oleiros, Sertã, Vila de Rei e Mação.

Ligação à paisagem natural: O clima da região com temperaturas moderadas, pluviosidade média e a profundidade e fertilidade dos solos, confere características boas para a produção de azeitona de mesa de qualidade.
O tempo de fermentação necessário para tornar apto este fruto para comercialização é inferior ao tempo médio de fermentação utilizado para outras azeitonas de mesa, o que se deve ao menor calibre do fruto desta variedade e à menor espessura da epiderme que facilitam o mecanismo osmótico entre o fruto e a salmoura.

Modo de preparação: A variedade Galega é uma variedade portuguesa com propriedades que lhe permitem ter dupla aptidão, tanto é utilizada para a produção de azeite como para a produção de azeitona de mesa, sendo este o seu principal destino.
As azeitonas de mesa são acondicionadas com salmoura de forma a cobrir as azeitonas, garantindo a conservação do produto por um período de tempo que pode ir até aos dois anos.
O tempo de fermentação necessário para tornar apto este fruto para comercialização é inferior ao tempo médio de fermentação utilizado para outras azeitonas de mesa, o que se deve ao menor calibre do fruto desta variedade e à menor espessura da epiderme que facilitam o mecanismo osmótico entre o fruto e a salmoura.

Historial do produto: Diversos registos históricos comprovam a ligação do cultivo da oliveira à região da Beira Baixa. Orlando Ribeiro (1945) na sua obra “Portugal, o Mediterrâneo e o Atlântico – Estudo Geográfico” destaca «o consumo de azeitonas curtidas, que no Sueste da Beira entra de obrigação nas comedorias pagas em género aos trabalhadores rurais».

Disponibilidade do produto: Todo o ano.

Fonte da imagem: Frutas, Legumes e Flores