Produtos Tradicionais Portugueses

Produtos Tradicionais Portugueses

Maçã Bravo de Esmolfe DOP

Maçã Bravo de Esmolfe

Descrição: Designa-se por Maçã Bravo de Esmolfe DOP, o fruto da cultivar derivada da espécie Malus domestica Borkh. na região delimitada. É uma maçã de calibre médio a pequeno, de forma oblongo-cónica. A sua epiderme esbranquiçada apresenta por vezes manchas avermelhadas. Caracteriza-se pelo seu aroma intenso e agradável e pela polpa branca macia, sucosa, doce e com boas qualidades gustativas.

Método de produção: A altitude ótima de cultivo para a Maçã Bravo de Esmolfe DOP situa-se entre 350 e 550 m. A floração tardia que se observa nesta variedade permite-lhe uma excelente adaptação ao clima da região de produção, onde os riscos de geada tardia são elevados. A entrada em produção é muito lenta, com alternância, uma vez que se verifica maioritariamente na madeira de dois ou mais anos. A colheita é feita a partir da 2ª quinzena de Setembro.

Características particulares: É uma maçã de conservação prolongada e particularmente perfumada. O facto de ser uma variedade autóctone permite-lhe uma perfeita integração nas condições edafoclimáticas da região.

Área de produção: A área geográfica de produção está circunscrita aos Concelhos de: Aguiar da Beira, Celorico da Beira, Fornos de Algodres, Gouveia, Guarda, Manteigas, Pinhel, Seia, Trancoso do distrito da Guarda; Covilhã, Belmonte, Fundão, do distrito de Castelo Branco; Arganil, Tábua, Oliveira do Hospital, do distrito de Coimbra; Tondela, Santa Comba Dão, Carregal do Sal, Nelas, Mangualde, Penalva do Castelo, Sátão, Aguiar da Beira, Viseu, S. Pedro do Sul, Vila Nova de Paiva, Castro Daire, Sernancelhe, Penedono, Moimenta da Beira, Tarouca, Lamego e Armamar, do Distrito de Viseu.

História: Esta variedade regional, conhecida desde o séc. XVIII, é originária da aldeia de Esmolfe (Penalva do Castelo) e terá sido obtida a partir de uma árvore proveniente de semente. Como os seus frutos são muito apreciados, obtiveram-se enxertos que disseminaram esta variedade por várias zonas de produção frutícola, especialmente na Região da Beira Alta e em parte da Cova da Beira.

Marca de certificação
marca bravo esmolfe

Caderno especificações (pdf)

Área geográfica

Agrupamento de produtores
FELBA - Centro de Valorização dos Frutos e Legumes da Beira Alta

Organismo de controlo e certificação
SATIVA – Desenvolvimento Rural, Lda.

Publicações no Jornal Oficial da UE
Regulamento (CE) n.º 1107/96 da Comissão – L 148 de 21.06.1996

Publicação em DR
Aviso n.º 12517/2003, de 22 de novembro
Despacho n.º 17005/2003, de 3 de setembro
Despacho n.º 58/94, de 15 de fevereiro